quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Aos que passam pela nossa vida...

Não somos donos de nada e nem de ninguém, é tudo emprestado!


 Certo dia ouvi um depoimento de um pai que havia perdido seu filho há pouco tempo e comentou:

 


“Achamos que temos o controle das coisas e das pessoas. E, de repente, a vida passa tão rápida e nos deixa ver que tudo é passageiro e que temos como empréstimo tanto nossos relacionamentos mais íntimos como também nossos bens ou recursos financeiros. Quando chega a hora de cada um deixar este plano físico, não levamos nada, absolutamente nada de material. E temos que deixar que se vão e também nos desapegar do que temos.


Assim como nas relações temos que às vezes deixar ir... soltar para que possa renascer o novo.

O que acredito é que nosso amor verdadeiro é puro, não morre e é eterno”. 





Estas palavras tão profundas tocaram e abriram o meu coração para essas sábias verdades que às vezes não percebemos. Esse pai dizendo isso me pareceu ser um pai dedicado e que tentou fazer o melhor. Acalmar os corações nessas horas e encher de forças nossas vidas quando conseguimos fazer dessa passagem tão rápida e cheia de boas surpresas (e também acontecimentos inesperados) nos alertam a ficar atentos aos pequenos e simples detalhes que constroem a história de cada vida. Sermos mais livres, conscientes e inteiros é um desafio diário. 

Abaixo outra reflexão:


Aos que passam pela nossa vida
Cada um que passa em nossa vida passa sozinho...
Porque cada pessoa é única para nós, e nenhuma substitui a outra.
Cada um que passa em nossa vida passa sozinho, mas não vai só...
Levam um pouco de nós mesmos e nos deixam um pouco de si mesmos.
Há os que levam muito, mas há os que não levam nada.
Há os que deixam muito, mas há os que não deixam nada.
Esta é a mais bela realidade da vida...
A prova tremenda de que cada um é importante e que ninguém se aproxima do outro por acaso... 
(Saint Exupéry).



Assim, na vida o que levamos é sem dúvida o que fizemos e o que somos de melhor. Com nossos erros e acertos vamos construindo nosso caminho espiritual na prática aqui na Terra.

Achamos que a nossa felicidade está só naquilo que desejamos e às vezes deixamos de amar o que temos. Acredito que temos muitas coisas a realizar e a cuidar também. 





Aproveitar essa oportunidade da vida agora para buscar mais ser do que ter, certamente não é fácil, mas é possível perceber o que importa, o quanto antes. Avançar sempre sem perder a essência.



por Berenice Palma Ribeiro
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...